As Crônicas de Nárnia

Ooooi!
Todo mundo já ouviu falar das Crônicas de Nárnia, né?! Bem, eu também. O que eu não sabia é que Clive Staple Lewis escreveu sete livros e que todas essas histórias juntas ficaram conhecidas como “As Crônicas de Nárnia”.  Três deles viraram filmes e se tornaram mais conhecidos: O Leão, a feiticeira e o guarda-roupa; Príncipe Caspian e o último, A viagem do Peregrino da Alvorada.
Os livros foram escritos durante o ano de 1949 até 1954, mas foram publicadas de 1950 à 1956. C.S. Lewis publicou inicialmente O Leão, a feiticeira e o guarda-roupa, sem ter a intenção de produzir uma série de livros. Ao continuar escrevendo aproveitou para retomar partes anteriores da história, preenchendo lacunas deixadas no primeiro livro. Por isso a ordem de publicação não coincide com a ordem cronológica dos eventos que ocorrem nos livros.
Segue um resumo das obras, de acordo com a ordem de publicação:

O Leão, a Feiticeira e o Guarda-Roupa:  concluído durante o inverno de 1949 e publicado em 1950, é o primeiro romance da série em ordem de publicação; porém, o segundo em ordem cronológica. Narra a história de quatro crianças humanas: Pedro, Susana, Edmundo e Lúcia Pevensie, que através de um antigo e misterioso guarda-roupa, chegam ao mundo de Nárnia, um exuberante país que enfrenta um terrível e prolongado inverno, imposto pela falsa rainha do país (a Feiticeira Branca), e que já completava cem anos. Com a ajuda do grande e poderoso leão Aslam, os irmãos Pevensie devem derrotar à terrível bruxa e trazer a paz de volta à Nárnia e a todos os que nela habitam.

Príncipe Caspian: concluído durante o outono de 1949 e publicado em 1951, é o segundo livro da série a ser publicado; porém, o quarto em ordem cronológica. Narra o retorno dos irmãos Pevensie à Nárnia, lugar onde passaram 1300 anos, enquanto que no nosso mundo apenas tinha passado um. Durante esse tempo, muitas coisas aconteceram: os telmarinos (humanos que vivem em Telmar) invadem à Nárnia, desmatando os bosques e assassinando as criaturas narnianas. É nesse momento que os Pevensie conhecem Caspian X, um bondoso príncipe telmarino. Logo após, eles deverão derrotar o telmarino e falso rei de Nárnia, Miraz (tio de Caspian), o atual comandante destes massacres no país. Para este plano se concretizar, eles terão novamente a ajuda de Aslam.

A Viagem do Peregrino da Alvorada ou A Viagem do Caminheiro da Alvorada: concluído durante o inverno de 1950 e publicado em 1952, é o terceiro livro da série a ser publicado; porém, o quinto em ordem cronológica. Neste romance, apenas Edmundo e Lúcia Pevensie retornam à Nárnia, além do seu incômodo e emburrado primo Eustáquio Mísero. Juntos de Caspian X (que já era o rei de Nárnia) e do rato Ripchip, eles viajam à bordo do navio Peregrino da Alvorada, pois devem encontrar os sete fidalgos banidos por Miraz. Eles enfrentarão diversos perigos e aventuras em inúmeras ilhas, e como sempre, contarão com a ajuda de Aslam.

A Cadeira de Prata, ou O Trono de Prata: concluído por Lewis durante a primavera de 1951 e publicado em 1953, é o quarto livro da série em ordem de publicação, o sexto em ordem cronológica, e o primeiro em que os irmãos Pevensie não aparecem. Nesta fantástica aventura, apenas Eustáquio Mísero e sua amiga de escola, Jill Pole, vão à Nárnia; estando lá, eles devem encontrar o Príncipe Rilian, o filho desaparecido do rei Caspian X (agora, uma pessoa idosa à beira da morte). Com os conselhos de Aslam, Eustáquio e Jill devem percorrer Nárnia em busca de Rilian, e acabam por descobrir que o príncipe foi sequestrado e hipnotizado pela Feiticeira Verde, que planeja, através do próprio Rilian, tomar Nárnia.

O Cavalo e seu Menino, ou O Cavalo e seu Rapaz: concluído durante a primavera de 1950 e publicada durante 1954, é o quinto romance da série a ser publicado; porém, é o terceiro em ordem cronológica, pois se passa durante A Era de Ouro em Nárnia (ou seja, durante o reinado dos irmãos Pevensie). Narra a história do cavalo falante Bri e do garoto Shasta, ambos detidos em cativeiro na Calormânia. Durante a fuga, estes descobrem que a Calormânia pretende invadir Nárnia através da Arquelândia. Agora eles devem impedir que este ataque ocorra; para isto, passarão por incríveis aventuras, junto de Aravis e Huin.

O Sobrinho do Mago, ou O Sobrinho do Mágico: concluído durante 1954 e publicado em 1955, é o sexto livro da série a ser publicado, e o primeiro em ordem cronológica. Este romance narra os acontecimentos durante os primórdios de Nárnia, preenchendo as lacunas deixadas no livro O Leão, a Feiticeira e o Guarda-Roupa. Através de uns anéis mágicos fabricados por André Ketterley (também conhecido como Tio André), Digory Kirke e Polly Plummer viajam até Charn, um mundo muito antigo sem vida, onde acabam por libertar acidentalmente à feiticeira branca: Jadis. Depois de muitos acontecimentos, eles chegam a um mundo que acabava de ser criado por Aslam: a Nárnia. O livro também relata a origem do guarda-roupa e de como ele foi parar no nosso mundo.

A Última Batalha: concluída durante a primavera de 1953 e publicada durante 1956, é o último romance a ser publicado, e também o último em ordem cronológica. Depois que a Calormânia, juntamente como seu líder Tash, invadem Nárnia, ocorre uma grande e violenta guerra. Aslam, então, decreta o fim de Nárnia, fazendo as estrelas descerem do céu, o sol se apagar, e inundando todo o resto. Todos os humanos e criaturas boas e fiéis à Aslam, vão para o paraíso conhecido como País de Aslam; lá, todos os "amigos de Nárnia" (os Pevensie, Caspian X, Eustáquio, Jill, Digory, Polly) se encontram, exceto Susana Pevensie, que havia "esquecido-se" de Nárnia por causa das coisas materialistas.

A ordem cronológica fica assim:
O Sobrinho do Mago;
O Leão,  a Feiticeira e o Guarda-roupa:
O Cavalo e seu Menino;
Princípe Caspian;
A Viagem do Peregrino da Alvorada;
A Cadeira de Prata;
A Última Batalha.



A Editora Martins Fontes lançou um volume único com todos os livros na ordem cronológica. Os filmes já vi todos e por enquanto só li os dois primeiros livros, mas O Sobrinho do Mago é o mais encantador, na minha opinião.

Bejubeju =* 

Fonte Wikipédia e Blog NewsNárnia

Comentários

  1. Ah, eu tenho o livro mas anda não tive tempo de ler... :-/

    E comprei por R$ 19,90 no Submarino...

    Bjs!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Também comprei o meu no Submarino, hehehe. Parei no segundo livro e não peguei mais. Agora que emprestei a vontade de ler voltou =/

      Excluir
  2. Oi Naty, obrigada pela visitinha ao meu blog e pela presença dele em seu blogroll.
    Dos livros indicados, não li nenhum (rsrsr) mas assisti A Viagem do Peregrino com meus alunos. Todos adoramos!

    bj

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. São todos ótimos Paty, tanto os livros quanto os filmes ;)

      Excluir
  3. Em primeiro lugar vim agradecer tua visita em meu blog, obrigado por ser presente em meus escritos. Também vim para comentar aqui esse post sobre as Crônicas de Nárnia que são muito bacanas. Estou lendo o livro e recomendo. Bjs.

    ResponderExcluir
  4. Muito legal!
    Eu adoooro os flmes..

    Um beijo,
    http://www.suavemalicia.blogspot.com/

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Oi! Obrigada pelo comentário! Ele será respondido aqui mesmo, tá?!
Volte sempre ;)

Postagens mais visitadas deste blog

Rapadurinha de Leite em pó

Feito Por Mim - Suporte para celular - D.I.Y

Papai Noel, Pai Natal ou Santa Claus